Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8164-4420 Whatsapp: (87)9.9962-6354

Casa do Côco.

Casa do Côco.

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade
Org: Maciel.

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

King Lanternagem e Pintura.

King Lanternagem e Pintura.

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Pernambuco lidera ranking de câncer de mama no Nordeste

Mulheres a partir dos 40 anos devem fazer a mamografia uma vez por ano / Foto: Alexandre Belém/Acervo JC Imagem
Mulheres a partir dos 40 anos devem fazer a mamografia uma vez por anoFoto: Alexandre Belém/Acervo JC Imagem

Um mês para reforçar a importância da prevenção ao câncer de mama

Um mês de combate e prevenção ao câncer de mama no mundo inteiro. Essa é a definição do Outubro Rosa, movimento que tem início nesta quinta-feira (1º de outubro), que busca alertar a população feminina sobre as formas de tratamento e exames preventivos que podem e devem ser feitos pelas mulheres. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer de mama é o mais frequente entre as mulheres e são esperados 57 mil novos casos da doença no País em 2015.
Em Pernambuco, apenas no ano passado, 216 mulheres faleceram em decorrência do câncer de mama. Além disso, o Estado figura no topo da lista de maior incidência da doença no Nordeste. Os dados são alarmantes, mas reforçam a importância da prevenção, que deve ser feita todos os anos por mulheres acima dos 40 anos. Desde cedo, a mulher deve criar o costume de fazer o autoexame nas mamas e, caso perceba qualquer característica anormal, procurar um médico. 
 São três segundos que podem salvar uma vida Denise Sobral, mastologista, sobre o autoexame
"No Outubro Rosa nós destacamos a grande importância das mulheres buscarem fazer a prevenção do câncer do mama, buscando um diagnóstico precoce da doença, aumentando as chances de cura", ressalta o oncologista e diretor do Hospital de Câncer de Pernambuco (HCP) Fábio Malta. De acordo com o médico, é importante que, além da prevenção, a mulher mantenha hábitos de vida saudáveis, como uma alimentação balanceada, prática de exercícios físicos, não ingerir bebida alcoólica e não fumar. 
O oncologista destaca que as mulheres devem ficar atentas aos sintomas, que envolvem tumorações, alteração da coloração em volta da mama ou do mamilo e secreção, por exemplo. "O número de diagnósticos tem aumentado ao longo dos tempos e nossa preocupação é que as mulheres tenham um diagnóstico precoce, oferecendo chances de curas cada vez maiores", alertaEm resposta à internauta @AdrianaCVcastro, que perguntou através do Periscope, por que as mulheres devem fazer a mamografia aos 40 anos, a oncologista Cristiana Tavares esclarece que a idade é estipulada devido à maior incidência do câncer de mama a partir desta faixa etária. No entanto, as mulheres que têm histórico da doença na família podem realizar o exame a partir dos 30 anos. "Outro fator que influencia na idade para a realização da mamografia é a densidade da mama. Como as mamas mais jovens são muito densas, é preciso que a mulher faça também a ultrassonografia", acrescenta Cristiana.
O Outubro Rosa foi criado nos Estados Unidos, na última década do século 20. O nome do movimento remete à cor do laço, que é símbolo da campanha no mundo.
PREVENÇÃO 
- Os principais sinais de alerta são os nódulos, caroços, secreção nas mamas, enrugamento ou afundamento da pele e vermelhidão. 
- É importante saber que as dores mamárias raramente estão associadas ao câncer, mas às alterações hormonais ou emocionais.
- A mamografia é a maneira mais segura de identificar nódulos muito pequenos, ainda imperceptíveis ao toque das mãos. 
- Todas as mulheres acima dos 40 anos devem fazer mamografia todos os anos; o diagnóstico precoce ainda é a melhor forma de garantir um tratamento com altas chances de cura.
FATORES DE RISCO
- Idade superior a 40 anos
- Aumento na densidade mamária
- Histórico de câncer de mama em parentes de 1º grau (mãe ou irmã)
- Histórico de câncer de ovário na família
- Descoberta de hiperplasia (aumento do número de células) atípica em biópsia mamária
- Exposição à radiação ionizante para tratamento de doenças como Hodgkin e Linfoma
TRATAMENTO
Clínicos e cirúrgicos. Os cirúrgicos são conhecidos como mastectomia, que pode ser total ou parcial. Já o tratamento clínico envolve vários tipos de medicamentos chamados quimioterápicos e hormonioterápicos, além da radioterapia, usada na sequência do tratamento cirúrgico ou em casos específicos de câncer avançado.
Fontes das artes: Instituto Nacional de Câncer (Inca), Secretaria de Saúde de Pernambuco e Hospital de Câncer de Pernambuco (HCP)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO BLOG Ligue 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420

J&N CARNES

J&N CARNES