Este espaço é seu anuncie aqui! 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420

Garanhuns Bijuterias e Bianca Bijoux.

Garanhuns Bijuterias e Bianca Bijoux.

Roberto dos Ônibus.

Roberto dos Ônibus.

Informamos que Simulador de direção é obrigatório para tirar CNH.

Informamos que Simulador de direção é obrigatório para tirar CNH.

Casa do Côco.

Casa do Côco.
Rua Melo PeIxoto, 79 CeNtro Garanhuns PE

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

King Lanternagem e Pintura.

King Lanternagem e Pintura.

quarta-feira, 27 de abril de 2016

Entidade entrega 1,3 milhão de assinaturas pela cassação de Cunha - See more at: http://www.carloscosta.com.br/2016/04/entidade-entrega-13-milhao-de.html#more



Representantes da entidade Avaaz entregaram nesta terça-feira (26) ao Conselho de Ética da Câmara uma petição com 1,3 milhão de assinaturas pedindo a cassação do mandato do presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Durante o ato, houve bate-boca entre parlamentares.


Cunha é alvo de um processo de no colegiado por conta da suspeita de manter contas bancárias secretas no exterior e de ter omitido sobre a existência delas à CPI da Petrobras no ano passado. Ele nega ser o dono e diz ser apenas o beneficiário de fundos geridos por trustes. 

As assinaturas foram coletadas em uma petição online por meio do site da entidade e entregues ao presidente do conselho, José Carlos Araújo (PR-BA), antes do início da sessão.

No ato da entrega, deputados adversários de Cunha apoiaram a iniciativa segurando cartazes da petição e o deputado Laerte Bessa (PR-DF), aliado do presidente da Câmara, se irritou e bateu boca com Chico Alencar (PSOL-RJ) e Júlio Delgado (PSB-MG).

Bessa entendia que a entrega das assinaturas era inadequada para ser feita no conselho. Os demais parlamentares reagiram e argumentaram que a sessão ainda não havia sido iniciada.

Um manifestante gritou repetidas vezes “Fora, Cunha” e Bessa também bateu boca com ele. O clima ficou tenso, mas logo em seguida teve início a reunião e as manifestações se encerraram.


A sessão do colegiado foi convocada para ouvir o depoimento do lobista Fernando Soares, conhecido como Fernando Baiano, no processo que investiga Cunha.

G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário