Este espaço é seu anuncie aqui! 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420

Garanhuns Bijuterias e Bianca Bijoux.

Garanhuns Bijuterias e Bianca Bijoux.

GF Presentes e Variedades Vendas em Atacado e Varejo.

GF Presentes e Variedades Vendas em Atacado e Varejo.

Informamos que Simulador de direção é obrigatório para tirar CNH.

Informamos que Simulador de direção é obrigatório para tirar CNH.

Casa do Côco.

Casa do Côco.
Rua Melo PeIxoto, 79 CeNtro Garanhuns PE

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Volte a Sorrir Garanhuns PE.

Volte a Sorrir Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Motorista capacitado, há dez anos em transporte de universitários.

Motorista capacitado, há dez anos em transporte de universitários.

terça-feira, 12 de julho de 2016

Dono de posto e assaltante morrem em troca de tiros na PB





Dois homens morreram após uma troca de tiros em frente à agência do Banco do Brasil no bairro do Bessa, em João Pessoa, na tarde desta segunda-feira (11). De acordo com informações da Polícia Militar, um deles era o dono da rede de postos de combustíveis Expressão, Marcone José Ferreira de Morais. O outro, o assaltante, ainda não foi identidicado.
Segundo o capitão Antônio Souza Santos, que atendeu a ocorrência, o empresário estava na área de autoatendimento quando os suspeitos anunciaram o assalto. "Ele estava chegando à porta giratória do banco quando os suspeitos, que acreditamos que eram quatro, anunciaram o assalto. Foi quando, possivelmente, o empresário reagiu, houve uma troca de tiros e um dos suspeitos foi atingido na cabeça, e o empresário foi atingido no tórax", afirmou.



Outro policial, o sargento Lívio, explicou que Marcone Ferreira tinha ido à agência para fazer um depósito. Com a troca de tiros, um dos suspeitos morreu no local, enquando que o empresário foi socorrido para o Hospital de Trauma Senador Humberto Lucena. Ele foi levado para a instituição de saúde em estado grave, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu na unidade. Os outros três suspeitos, após a ação mal sucedida, fugiram e capotaram o carro no caminho. Eles então roubaram outro veículo. A Polícia Militar informou que está realizando diligências para tentar encontrar o grupo, mas ninguém havia sido predo até as 17h.
Marcone Morais foi uma das testemunhas chaves na operação 274, desencadeada pela Polícia Federal em 2007. Na época, com o apoio dos ministérios públicos da Paraíba e Federal, a PF desarticulou um complexo esquema de alinhamento de preços criado pelo cartel dos combustíveis. Foram cumpridos 48 mandados de prisão e de busca e apreensão contra donos de postos e distribuidoras de combustível. Dezesseis acusados foram detidos em João Pessoa e no Recife.

Jornal da Paraíba

Nenhum comentário:

Postar um comentário