Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8164-4420 Whatsapp: (87)9.9962-6354

Local do Som Equipadora e Auto Center.

Local do Som  Equipadora e Auto Center.

Casa do Côco.

Casa do Côco.

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade
Org: Maciel.

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

King Lanternagem e Pintura.

King Lanternagem e Pintura.

terça-feira, 31 de outubro de 2017

Governador anuncia bolsa de R$ 950 e R$ 400 para estudantes com as mil maiores notas no ENEM e no SSA da UPE para o ingresso nas universidades públicas


Dar oportunidade aos jovens pernambucanos de continuar os estudos, trilhar novos caminhos e, assim, construir um futuro promissor. Foi com essa premissa que o governador Paulo Câmara lançou, nesta segunda-feira (30.10), durante solenidade na Escola de Referência em Ensino Médio Ginásio Pernambucano (unidade Cruz Cabugá), o Programa de Acesso ao Ensino Superior - PE no Campus, que incentiva os estudantes da Rede Estadual de Ensino a ingressarem em universidades públicas. A iniciativa seguirá duas linhas de atuação: suporte aos alunos no acesso ao Ensino Superior e de apoio financeiro, pelo qual mil estudantes de baixa renda com as maiores notas no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) ou no exame do Sistema Seriado de Avaliação (SSA) receberão uma bolsa para quando ingressarem em instituições públicas.

“O programa é para que os estudantes possam concluir o Ensino Médio e terem a garantia de apoio para cursar o Ensino Superior com tranquilidade, se formar e ganhar o mundo. A partir de agora, vamos ter mais inscritos no Enem e mais alunos nas universidades públicas. Queremos, cada vez mais, fortalecer a educação pública de Pernambuco para que ela possa transformar a vida dos jovens estudantes, que são o futuro de Pernambuco”, afirmou o governador Paulo Câmara, explicando que o Programa foi pensado a partir de um levantamento realizado pelo Governo do Estado, no qual se verificou que menos de 50% dos alunos matriculados na Rede Pública se inscreviam para realizar as provas do Enem e do Seriado da Universidade de Pernambuco (UPE).


“Não basta finalizar o Ensino Médio, se os alunos não conseguem chegar às universidades. E víamos a preocupação dos estudantes em cursar uma graduação com tranquilidade fora de suas cidades. Então, pensamos no PE no Campus para que os alunos possam se manter nos dois primeiros anos. E, estando dentro da universidade, com o talento que eles têm, vão conseguir andar com as próprias pernas, fazer mestrado, doutorado, arranjar bons empregos e avançar cada vez mais. Com estudo e oportunidade se alcança tudo o que se quer”, completou.

O secretário de Educação, Fred Amâncio, esclareceu que o PE no Campus irá motivar os e apoiar os estudantes na preparação para o Enem e para o SSA durante todo o ano letivo, ajudando-os desde o processo de inscrição até a efetivação. “Além disso, os mil alunos com melhores notas nos dois processos seletivos terão apoio financeiro nos dois primeiros anos da universidade, sendo R$ 950 para o primeiro e R$ 400 para o segundo. Percebemos que se o estudante consegue se estruturar no primeiro ano, no segundo, ele terá mais oportunidades para se manter”, explicou Fred.

Para ter direito ao apoio financeiro ofertado pelo Governo do Estado, o gestor da pasta frisou que são necessários alguns pré-requisitos. “O aluno tem que ser egressos da Rede Estadual de Ensino, ter concluído o Ensino Médio há não mais do que cinco anos, vir de família que seja atendida pelo Bolsa Família ou com renda familiar inferior a dois salários mínimos e que tenham domicilio em cidades distantes mais de 50km da universidade”, elencou.

Fred lembrou, ainda, das 200 bolsas de iniciação científica de R$ 400 que são oferecidas pela Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (Facepe) para os alunos que ingressaram em universidades públicas. A secretária de Ciência e Tecnologia, Lúcia Melo, registrou que a associação da pasta ao Programa comandando pela Educação beneficiará, e muito, os jovens pernambucanos. “Com a iniciativa, vamos fazer com que os estudantes não desistam de se formar, e a Facepe vai ajudar nessa trajetória”, comentou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO BLOG Ligue 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420

J&N CARNES

J&N CARNES