Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8164-4420 Whatsapp: (87)9.9962-6354

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade
Org: Maciel.

Eletrônica Pc Games

Eletrônica Pc Games
Pop-shop Garanhuns

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Pise Bem Calçados e Casa do Côco

Pise Bem Calçados e Casa do Côco
Rua Melo Peixoto Centro Garanhuns-PE

sexta-feira, 9 de março de 2018

Mulher é presa com 10,5 kg de haxixe no Aeroporto dos Guararapes em Pernambuco


A Polícia Federal em Pernambuco prendeu em flagrante na tarde de ontem, dia 07/03/2018, por volta das 15h, KATRINE DE OLIVEIRA LOPES, brasileira, solteira, 24 anos, autônoma, natural e residente em Vitória/ES-(não possui antecedentes criminais). A prisão aconteceu durante fiscalização de rotina destinada a reprimir o tráfico internacional e doméstico de entorpecentes no Aeroporto Internacional dos Guararapes – Gilberto Freyre. Os Policiais Federais ao selecionar alguns passageiros suspeitos e submeter as suas bagagens pelo aparelho de raios “x”, identificaram uma sacola de nylon que continha em seu interior alguns objetos de formato oval. A sacola foi separada e a sua proprietária foi identificada e convidada a comparecer na sala da Polícia Federal onde após se submeter a uma entrevista prévia, começou a ficar nervosas e a se contradizer em algumas das suas respostas (disse que tinha perdido e voo e que tinha uma avó residente em Olinda – mas não soube informar nem o endereço e nem o contato telefônico).  

A ação teve seu desfecho final quando os policiais federais ao procederem a abertura de sua sacola vieram a descobrir em seu interior 10(dez) tabletes que ao passar pelo exame narcoteste resultou positivo para a droga denominada “haxixe” (resina da maconha). A droga totalizou um peso bruto de 10,5Kg (dez quilos e quinhentos gramas). O Haxixe não é produzido no Brasil e pela forma de apresentação a droga é oriunda do oriente e norte da África. O haxixe consiste no produto extraído, em forma de resina, das flores e frutos da Maconha. No Brasil, o percentual de pessoas que consomem o haxixe é o mesmo da maconha. Porém, por ser um pouco mais forte, ele é mais consumido por quem já utiliza a maconha há algum tempo.


Terminado os trabalhos investigativos e tendo sido toda a droga encontrada a suspeita recebeu voz de prisão em flagrante foi informada dos seus direitos e garantias constitucionais e levada para a sede da Polícia Federal no Cais do Apolo, onde acabou sendo autuada pela prática do crime contido no artigo 33 e 40, inciso v da Lei nº 11.343/2006 (tráfico interestadual de entorpecentes) e caso seja condenada poderá pegar penas que variam de 5 a 15 anos de reclusão. Na data de hoje, 08/03 por volta das 9h, a presa realizará Exame de Corpo de Delito no IML-Instituto de Medicina Legal, e em seguida será levada para a audiência de custódia! Caso seja CONFIRMADA A SUA PRISÃO PREVENTIVA ela será posteriormente conduzida para o Colônia Penal Feminina do Bom Pastor, onde ficará à disposição da Justiça Federal/PE. Além da droga também foram apreendidos cartões de embarque, 01(um) aparelho celular, além do seu passaporte. 


Em seu interrogatório a suspeita informou que saiu de Vitória/ES e veio para Olinda/PE onde ficou hospedada num hotel até o momento que iria embarcar para o Rio de Janeiro/RJ onde lá entregaria droga a uma pessoa que entraria em contato através do seu celular. A presa não deu detalhes quem seria a pessoa que lhe aliciou para vir até o estado pernambucano nem como foi o encontro dela com o traficante em Olinda/PE. Disse apenas que quando entregasse a droga receberia a quantia de R4 1.500 (mil e quinhentos reais) e que era a primeira vez que fez o transporte de droga. 

ESTATÍSTICAS DE APREENSÃO:
Esta é a segunda apreensão de drogas no ano de 2018 realizada pela Polícia Federal no Aeroporto Internacional dos Guararapes. Até agora foram feitas 02 (duas) prisões (duas mulheres). Foram apreendidos 3,5Kg (três quilos e quinhentos gramas) de cocaína e 10,5Kg de Haxixe. Em 2017 foram realizadas 22 (vinte e duas) prisões (doze homens e dez mulheres) e apreensão de 45,9Kg de cocaína, 43Kg de Skunk, 22,8Kg de Haxixe e 10,4Kg de metanfetamina e 30 quilos de maconha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO BLOG Ligue 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420

J&N CARNES

J&N CARNES