Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8164-4420 Whatsapp: (87)9.9962-6354

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade
Org: Maciel.

Eletrônica Pc Games

Eletrônica Pc Games
Pop-shop Garanhuns

Informações WhatsApp (87) 9 9933-8519. (81) 9 9978-9798. Gilka Torres Facebook clique na imagem

Informações WhatsApp (87) 9 9933-8519. (81) 9 9978-9798. Gilka Torres Facebook clique na imagem
O SEA é uma projeto criado no intuito de ajudar as mulheres que desejam realizar sua cirurgia plástica sem ser a vista, pagando parcelas que cabem no seu orçamento!

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Pise Bem Calçados e Casa do Côco

Pise Bem Calçados e Casa do Côco
Rua Melo Peixoto Centro Garanhuns-PE

quinta-feira, 26 de abril de 2018

VOLTOU A CRITICAR A OPOSIÇÃO: Izaías assina texto defendendo legado da Magia do Natal e reafirma que não há irregularidade no uso do dinheiro repassado à Associação Casa do Artesão


Em um texto enviado pela sua assessoria na tarde desta  quinta, 26 de abril, o prefeito Izaías Régis faz uma ferrenha defesa do legado da Magia do Natal para a economia de Garanhuns. Ele também reafirmou a lisura na utilização da verba repassada pelo Governo Municipal à Associação Casa do Artesão, entidade responsável desde 2013 pela fabricação e montagem das peças que decoram o evento. 

O desabafo de Izaías vem um dia após a divulgação de um áudio atribuído ao artesão Rinaldo Passarinho contendo trechos que sugerem haver desvio de recursos na aplicação do dinheiro destinado à Casa do Artesão. No mesmo dia em que a denúncia veio a público, a Câmara Municipal aprovou por ampla maioria a autorização para que a prefeitura repasse 845 mil reais para uso na produção da decoração do evento.Votaram contra apenas Betânia da Ação Social e Tonho de Belo. Os dois parlamentares alegaram não concordar com o acréscimo de 306 mil reais em relação ao ano passado. Em conversa com o radialista Marcelo Jorge, o prefeito disse estar triste com os últimos acontecimentos, sobretudo com  as duras referências feitas a sua filha, Michele Régis e sua esposa, Socorro Régis, que juntas ajudam na organização da festa natalina.  CONFIRA A ÍNTEGRA DO TEXTO ASSINADO PELO PREFEITO IZAÍAS RÉGIS. (Título e conteúdo de responsabilidade do Chefe do Executivo)

“MESMO COM OS VEREADORES TONHO DE BELO E BETÂNIA MONTEIRO VOTANDO CONTRA A MAGIA DO NATAL, PROJETO FOI APROVADO PELA CÂMARA

O projeto de Lei N° 005/2018, enviado pelo Governo Municipal de Garanhuns para a Câmara de Vereadores, que destina recursos para a Magia do Natal 2018 foi aprovado ontem pela maioria dos vereadores de Garanhuns  Apenas os vereadores Tonho de Belo e Betânia Monteiro, foram contra o projeto e com essa atitude, movida  por questões pessoais, contra o evento que gera  a maior movimentação econômica em Garanhuns, durante o ano.

Os recursos para a produção do Natal são direcionados à Associação Casa do Artesão, entidade responsável pela confecção da decoração natalina do evento e contratação dos artesãos, e que tem promovido Garanhuns nacionalmente ao longo dos últimos anos.  A associação é uma entidade idônea, com prestações  de contas aprovadas e formada por artesãos de Garanhuns, que por meio desse trabalho mantém as suas famílias.

Esses artesãos são coordenados por Michele Régis, que junto a Socorro Régis se dedicam ano a ano para colocar a Magia do Natal na rua. E não são só de acompanhar execução, elas trabalham junto, ficam madrugadas a dentro, acompanhando montagem, colando detalhes, ensaiando com as crianças, coordenando o desfile pelas ruas. Um trabalho voluntário e cheio de amor a Garanhuns.

Ir contra o projeto Magia do Natal, é ser contra Garanhuns apresentada para todo o país, como a mais linda decoração natalina do Nordeste.

Ser contra o Natal de Garanhuns é ser contra o aumento no número de empregos temporários no nosso comércio, muitos deles passando a ser fixos após o período.

Ser contra o Natal é não querer ver os nossos restaurantes lotados, a ponto de se formarem filas para entrar.

Ser contra o Natal é não enxergar que uma data em que antes nossos hotéis ficavam vazios, hoje registram 100% de lotação no período.

Ser contra o Natal é ser contra a injeção de mais de 35 milhões de reais no município no período.

Ser contra o Natal é não querer receber mais de 600 mil visitantes que saem encantados com o nosso evento e que com certeza voltarão em outras datas para deixar mais recursos no município.

Ser contra o Natal é ser contra o vendedor ambulante que consegue terminar a construção da sua casa com o dinheiro que conseguiu com as vendas no período.

Ser contra o Natal é ser contra os sorrisos de felicidade e encantamento que se vê no rosto de cada criança, de cada idoso , de cada família, que vem para esse evento que é de todos, feito para todos.

Ser contra o Natal é querer colocar nossa cidade no escuro em que ela vivia antes desse grande evento começar a ser realizado.

E não bastando só ser contra tudo isso, ainda querer macular o nome das mais de 50 pessoas, que trabalham por meio da Associação feita por artesãos.

Gente que alimenta e veste a sua família, com esse trabalho digno, e que ajuda a encher  nossa cidade de beleza a cada ano.

Com toda essa encenação velada de preocupação, dias foram perdidos e que podem atrasar e muito o evento. Ao fim, em novembro, o Natal poderá não está pronto. Neste momento, será importante lembrar o início dessa história. Dois foram contra e o prejuízo para o município será bem maior do que o valor que eles acharam que não poderia ser incrementado para a realização este ano, com o argumento que poderia ir para a saúde. A maior parte dos investimentos da saúde são destinados diretamente. E Garanhuns sempre investe além do obrigatório. E os impostos que são gerados na Magia do Natal também voltarão para o município realizar novas ações em todas as áreas.

É uma grande engrenagem. A Magia do Natal impacta positivamente na vida de muita gente. Mas este ano, a engrenagem travou, e o motivo do travamento: oposição que trabalha com o propósito do "quanto pior, melhor". Talvez, estejam esquecidos que o Natal é de Garanhuns, e não de uma gestão. Quando votam contra, não estão votando contra a gestão de A ou de B, mas contra Garanhuns”.

Com informações da Assessoria e texto assinado pelo prefeito

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO BLOG Ligue 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420

J&N CARNES

J&N CARNES