Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8812-6217 WhatsApp

PRIME RASTREAMENTO E PROTEÇÃO AUTOMOTIVA

PRIME RASTREAMENTO E PROTEÇÃO AUTOMOTIVA

Sandro refeições

Sandro refeições

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade
Org: Maciel.

Eletrônica Pc Games

Eletrônica Pc Games
Pop-shop Garanhuns

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Homem é preso suspeito de chefiar tráfico em 20 cidades de Pernambuco junto com o irmão


A Polícia Civil detalhou na manhã desta quarta-feira 16 de janeiro de 2019, em entrevista coletiva, a prisão de Clebson Ramos de Oliveira. Ele é suspeito de ser o chefe de uma quadrilha que comandaria o tráfico de drogas em 20 cidades localizadas nas Matas Sul e Norte de Pernambuco, além de Novo Lima e Colônia Leopoldina, em Alagoas, que fazem divisa com o Estado.A atuação  da quadrilha também chegaria a Garanhuns, no Agreste pernambucano.

De acordo com o delegado Marcelo Queiroz, titular de Palmares, Clebson dividiria o comando do crime com o irmão, Edcleibson Evilásio da Silva, conhecido como “Cleibinho”, preso em Caaporã, na Paraíba, no dia 27 de novembro do ano passado. “Atualmente ele se encontra no Cotel (Centro de Observação Criminológica e Triagem de Abreu e Lima) aguardando julgamento”, explicou Queiroz.

Os dois irmãos seriam conhecidos como “Gêmeos de Catende”. “Eles atuam no tráfico de drogas e estão envolvidos em homicídios relacionados a esse comércio”, afirmou o delegado. “Eles também cometiam outros crimes ‘acessórios’ ao tráfico, como roubo de carros”, continuou.

Segundo Queiroz, a dupla atuava há pelo menos dois anos. “Só em Palmares, há 10 inquéritos contra eles, por 15 homicídios”, relatou. As investigações apontam que a dupla atuava nesses homicídios como mandantes. “Eles chefiavam uma organização com cerca de 3000 membros”, pontuou o delegado.


O Cleibinho, ao que tudo indica, pertence ao Comando Vermelho”, disse Queiroz. A facção criminosa é conhecida pela violência com a qual impõe o seu domínio. “Eles praticavam homicídios para expulsar da localidade quadrilhas rivais”, informou o delegado.

Prisões

Cleibinhofoi localizado pelos policiais em uma “casa confortável, com piscina”, segundo a polícia, na Paraíba. “Na ocasião ele tentou fugir pulando um muro. Foi encontrado trancado dentro do carro de um vizinho”, contou Queiroz.

Já Clebson teria fugido para Tacaimbó, no Agreste, logo após a prisão do irmão. “Ele estava morando na casa de uma família comum, com duas crianças”, relatou o delegado, “ele afirma que arrumou um emprego, que estava levando uma vida normal”. Contudo, os indícios apontam que Clebson teria ligações com o crime.

“Nessa casa encontramos um revólver, uma pistola, ambas municiadas, e tabletes de maconha”, relatou o delegado. O material foi apreendido. Clebson foi levado para a Delegacia de Caruaru, no Agreste, e depois foi encaminhado para a audiência de custódia, no Fórum de Belo Jardim. “Provavelmente ele será levado para o presídio de Tacaimbó”, explicou o delegado.

Ao todo, a dupla tem mandados de prisão em aberto nas comarcas de Palmares, Jaqueira _ na Mata Sul - e Ipojuca e Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife.

Vácuo de poder
A polícia agora acredita que, com a prisão dos “Gêmeos”, outras organizações vão tentar ocupar o espaço deixado por eles. “Outros grupos estão sempre em ascensão no tráfico, onde a rivalidade é muito grande”. concluiu Queiroz.

JC online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO BLOG Ligue 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420