Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8812-6217 WhatsApp

PRIME RASTREAMENTO E PROTEÇÃO AUTOMOTIVA

PRIME RASTREAMENTO E PROTEÇÃO AUTOMOTIVA

Jailson Inovattion TV - Clique na imagem para entrar em contato com o vendedor

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade
Org: Maciel.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

quarta-feira, 5 de junho de 2019

CASO JUSSARA: Presos suspeitos de matar comerciante em Paudalho/PE.

Op9

A Polícia Civil prendeu alguns dos responsáveis por participar do sequestro e assassinato da comerciante Jussara Maria da Silva Pereira, 33 anos, desaparecida desde fevereiro em Paudalho, Zona da Mata Norte.
Os suspeitos foram presos durante a Operação Terra Vermelha, deflagrada contra integrantes de um grupo responsável pelos crimes de organização criminosa armada, tráfico de drogas, associação para o tráfico, sequestro seguido de morte e tortura seguida de morte.

A investigação começou em fevereiro de 2019. Estão sendo cumpridos 13 de mandados de prisão em várias cidades do interior de Pernambuco. Segundo a polícia, os presos confessaram com detalhes como sequestraram e mataram Jussara. Ela teria sido morta por conta de uma divida do tráfico de drogas, relacionada ao marido dela, o presidiário Marcos Rafael Pereira, conhecido por Quiquinho, preso por receptação de veículos.
Doze mandados já foram cumpridos, seis contra pessoas que já estavam na prisão e outros seis contra pessoas que estavam em liberdade. Essa é a 47ª operação de repressão ao crime organizado realizada neste ano em Pernambuco. A ação de hoje é vinculada ao Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (Draco).

Relembre o caso

Na noite do dia 13 de fevereiro, a comerciante estava em casa com os filhos, na comunidade de Chã de Pinheiro, em Paudalho, quando o imóvel foi invadido por quatro homens. Os suspeitos vasculharam toda a residência e, na saída, decidiram levar a mulher. Vídeos mostrando a comerciante sendo ameaçada pelos criminosos sob a mira de duas armas circularam pelas redes sociais.
Em abril, foi encontrada uma ossada suspeita de ser de Jussara. Os restos mortais foram localizados no Engenho Camurim, na Zona Rural de Paudalho, por um homem que procurava pelo sobrinho, desaparecido há 15 dias. De acordo com a polícia, o ponto onde a ossada foi achada tem semelhanças com o local em que Jussara aparece sendo ameaçada em um dos vídeos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO BLOG Ligue 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420