Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8812-6217 WhatsApp

PRIME RASTREAMENTO E PROTEÇÃO AUTOMOTIVA

PRIME RASTREAMENTO E PROTEÇÃO AUTOMOTIVA

Sandro refeições

Sandro refeições

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade
Org: Maciel.

Eletrônica Pc Games

Eletrônica Pc Games
Pop-shop Garanhuns

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

quarta-feira, 10 de julho de 2019

Suspeito de ter assassinado o professor Sandro Cipriano em Pombos é preso


A Polícia Civil de Pernambuco predeu, nesta terça-feira, um homem suspeito de ter assassinado o professor Sandro Cipriano Pereira, encontrado morto no dia 29 de junho em Pombos, na Zona da Mata Norte do estado. A vítima havia desaparecido na quinta-feira (27) depois de ser visto saindo de casa na companhia de dois homens. O preso foi identificado como Anderson Antônio da Silva, conhecido na cidade como Esquerdinha. 
Durante o prazo da prisão temporária — de cinco dias, prorrogáveis por mais cinco — Anderson deve ficar no Presídio de Vitória de Santo Antão. A polícia ainda pode solicitar à Justiça a conversão da prisão temporária em preventiva, que tem prazo máximo de 180 dias e pode ser prorrogada, caso sejam cumpridos os requisitos exigidos pela legislação.
A Polícia Civil de Pernambuco predeu, nesta terça-feira, um homem suspeito de ter assassinado o professor Sandro Cipriano Pereira, encontrado morto no dia 29 de junho em Pombos, na Zona da Mata Norte do estado. A vítima havia desaparecido na quinta-feira (27) depois de ser visto saindo de casa na companhia de dois homens. O preso foi identificado como Anderson Antônio da Silva, conhecido na cidade como Esquerdinha. 
Durante o prazo da prisão temporária — de cinco dias, prorrogáveis por mais cinco — Anderson deve ficar no Presídio de Vitória de Santo Antão. A polícia ainda pode solicitar à Justiça a conversão da prisão temporária em preventiva, que tem prazo máximo de 180 dias e pode ser prorrogada, caso sejam cumpridos os requisitos exigidos pela legislação.

De acordo com a polícia, Anderson e Sandro mantinham um relacionamento afetivo e o suspeito costumava receber vantagens financeiras da vítima. O crime teria motivações patrimoniais. No dia em que Sandro desapareceu, vários objetos, como televisão, aparelho de som, cartões bancários e carteira, foram levados da casa do professor. A prisão ocorreu em consequência de um mandado de prisão temporária expedido pela Justiça.
Sandro, de 35 anos, era militante dos direitos sociais, ativista LGBT, atuava como docente e diretor do Serviço de Tecnologia Alternativa (Serta), em Glória do Goitá, e fazia parte do conselho diretor da Associação Brasileira de ONGs. Entre os alunos e colegas, ele era reconhecido como grande liderança e profissional dedicado e cuidadoso.

Op9


Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO BLOG Ligue 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420