Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8164-4420 Whatsapp: (87)9.9962-6354

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade
Org: Maciel.

Eletrônica Pc Games

Eletrônica Pc Games
Pop-shop Garanhuns

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Trabalhador levará 40 anos para chegar a 100% do benefício, diz ministério


O Ministério da Economia confirmou nesta quarta-feira, 20, que os brasileiros que ganham acima de um salário mínimo precisarão contribuir por 40 anos para conseguir se aposentar com 100% do salário de contribuição (cujo teto hoje é de R$ 5,839 mil). A regra havia sido adiantada pelo Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) ainda no dia 4 de fevereiro, por meio da minuta da proposta.
Para quem ganha o piso, nada muda, uma vez que o texto proíbe o pagamento de qualquer aposentadoria abaixo de um salário mínimo. Mesmo assim, essa regra deve ser um dos focos de resistência dos parlamentares durante a tramitação no Congresso Nacional

O ministério também confirmou que os segurados que ganham mais de um salário mínimo vão ter direito a 60% do benefício ao completar 20 anos de contribuição - que passaria a ser o tempo mínimo de contribuição, hoje em 15 anos. A cada ano adicional, são conquistados mais 2 pontos porcentuais. Por exemplo, quem conseguir ficar 35 anos recolhendo para a Previdência vai receber 90% do salário de contribuição.
A regra vale tanto para o INSS quanto para o regime dos servidores públicos, embora o tempo mínimo de contribuição a ser exigido seja diferente. Enquanto no INSS será de 20 anos, para o funcionalismo seria de 25 anos. Para professores, que, pela proposta, seriam contemplados com idade mínima menor (60 anos), a exigência seria de 30 anos de contribuição.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Chefe da Polícia Civil de Pernambuco é investigado por usar carro oficial para ir à praia


O chefe da Polícia Civil de Pernambuco, Joselito Kehrle Amaral, foi filmado usando um carro oficial na praia de Boa Viagem, Zona Sul do Recife. Nas imagens, que circulam nas redes sociais desde a tarde dessa segunda-feira (18), o delegado aparece entrando no carro após sair da orla. Mais à frente, em trajes de banho, aparecem a esposa, que é policial civil e jornalista, e a filha de Joselito. As duas também entram no veículo, que é locado para a Polícia Civil.

Os vídeos e fotos foram amplamente compartilhados em grupos de WhatsApp. Muitos usuários criticaram a atitude de Joselito Kehrle por ter usado uma viatura policial descaracterizada para fazer passeio em família.


Procurada pelo Ronda JC, a Corregedoria Geral da Secretaria de Defesa Social (SDS) informou que abriu, ontem, uma investigação preliminar sobre o uso do veículo oficial pelo chefe de Polícia Civil. “Desde a sexta-feira passada, o próprio servidor contatou a Corregedoria, tendo ontem pela manhã comparecido ao órgão para prestar esclarecimentos. Na fase de investigação preliminar, depoimentos serão colhidos, além das análises dos conteúdos compartilhados em redes sociais e da legislação vigente”, informou a nota enviada pela assessoria da SDS.

(Com informações do Ronda JC)

Presidente da CNI é preso em investigação sobre corrupção em contratos do Sistema S


A Polícia Federal acaba de prender o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Andrade. Uma ordem de prisão temporária de Andrade foi expedida pela Justiça Federal de Pernambuco. Andrade foi preso hoje pela manhã na sede da CNI. A operação investiga fraudes envolvendo desvio de recursos do Sistema S no estado. No total estão sendo cumpridos dez mandados de prisão temporária.

Segundo a PF, na ação batizada de "Operação Fantoche", um grupo de empresas atuaria desde 2002 executando contratos vinculados ao Ministério do Turismo e entidades do Sistema S. Os contratos serviriam para encobrir desvios de recursos. A PF estima que os envolvidos teriam recebido repasses de R$ 400 milhões.

Robson Andrade assumiu a presidência da CNI logo após a gestão do ex-senador Armando Monteiro, de quem recebeu apoio.

Robson Braga de Andrade e Armando Monteiro Neto

Em 24 de fevereiro de 2015 a Confederação Nacional da Indústria (CNI) nomeou o novo prédio do Sistema Indústria, em Brasília, com o nome do então ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio do governo Dilma, Armando Monteiro Neto (PTB).

Robson Braga de Andrade foi quem indicou o pernambucano para homenagem, justificando as várias atividades desempenhadas pelo quando o petebista comandou a instituição.

Amando Monteiro presidiu a CNI entre 2002 e 2010. O petebista também dirigiu o conselho de administração do Sebrae e esteve à frente da Federação das Indústrias de Pernambuco (FIEPE) e das regionais do sistema S.

HÁ MAIS DE 30 DIAS: Vazamento de água em Garanhuns chama a atenção e causa indignação nas redes sociais


Uma tubulação, que jorra água há mais de trinta dias, chamou a atenção de pessoas na rede social (Facebook), pelo desperdício que acarreta. A nossa redação esteve por várias vezes no local. Na rua Orlando Wanderley, próximo da "ceoga, no centro da cidade. Um morador próximo do local informou que ligou para a Compesa. A atendente em resposta afirmou que iria mandar uma equipe no local para finalizar o serviço. Na manhã desta terça-feira 19/02, nossa redação foi no local novamente, mas o desperdício de água continua do mesmo jeito.

Veja no vídeo!


"De todo modo, não podemos nos dar ao luxo de desperdiçar água desta maneira, até porque em alguns bairros de Garanhuns, e cidades circunvizinhas estão sem água nas torneiras".

MPPE instaura procedimentos para investigar possíveis atos de improbidade cometidos pelo prefeito de Camaragibe


O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) está tomando as providências cabíveis para investigar possíveis práticas de improbidade administrativa trazidas à tona pela divulgação de áudios atribuídos ao prefeito de Camaragibe, Demóstenes Meira.
O procurador-geral de Justiça Francisco Dirceu Barros determinou à Assessoria Criminal do Gabinete da Procuradoria Geral de Justiça abrir procedimento investigativo criminal para apurar se o gestor cometeu crime de peculato, que é o uso indevido de recursos públicos para patrocinar fins privados e pessoais. Como prefeitos possuem foro privilegiado, uma eventual responsabilização criminal ficará a cargo do procurador-geral.


Já em relação à prática de improbidade administrativa, o procurador-geral encaminhou o material à Promotoria de Justiça de Camaragibe. A promotora de Defesa do Patrimônio Público, Mariana Vila Nova, instaurou procedimento para investigar o caso.

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2019

Violência desenfreada: Pernambuco tem mais 24 homicídios nas últimas 72 horas


Violência desenfreada: Pernambuco tem mais 24 homicídios nas últimas 72 horas

Pernambuco registrou, nas últimas 72 horas, mais 24 homicídios. Desse número, 14 ocorreram no Interior do Estado e 10 na Região Metropolitana do Recife (RMR). Já nas últimas 24 horas foram nove assassinatos, sendo quatro no Interior e cinco no Grande Recife. As informações são da editoria de polícia da Rádio Jornal.

Do dia 1º de janeiro até agora, Pernambuco já contabiliza 434 homicídios, sendo 244 no Interior e 190 na RMR.

Dono de panificadora residente em Garanhuns encontra-se desaparecido


Homem identificado como sendo Geraldo Alves de Araújo,  encontra-se desaparecido desde amanhã desta segunda-feira 18 fevereiro 2019. Ele é residente no bairro do Parque Fênix, em Garanhuns no Agreste de Pernambuco.

Se alguém tiver quaisquer informações acerca do seu paradeiro, devem entrar em contato nos números.

(87)98136-0897. (87)999056046. Ou no ramal 190 Polícia Militar.

LEVARAM SEU CELULAR: Mulher é assaltada na Rua Pedro Medeiros na Boa Vista em Garanhuns no Agreste


A onde de assaltos vem se tornando cada vez mais comum em Garanhuns, já não gera tanto "impacto" dizer que alguém foi assaltado. Os bandidos agindo sem medo nem mesmo da Polícia, roubando, levando imagens de câmera de segurança para não deixar pistas, na maioria das vezes agindo na maior cara de pau, além do mais, saindo a pé do local do ato criminoso.

Na tarde desta segunda-feira 18 de fevereiro de 2019, por volta das 16h00,  uma mulher foi vítima de assalto próximo  da escola Dom Expedito Lopes, na Rua Pedro Medeiros, na Boa Vista, em Garanhuns

De acordo com a vítima "residente no mesmo bairro" era por volta das 16h00, quando dois elementos armados em uma motocicleta de cor vermelha (cara de gato), de maiores dados não anotados abordaram ela, e tomaram seu aparelho de celular. Ainda de acordo com a vítima ela  tentou entrar em uma residência que estava com os portões abertos, porém os moradores ao ver o assalto tiveram medo e fecharam o portão.

Em seguida os  elementos  seguiram sentido centro, da cidade.

TCE também viu irregularidades na licitação de aluguel de carros na Câmara Municipal de Garanhuns e recomendou revogação



Uma análise de licitação da Câmara Municipal de Garanhuns feita este mês pelo Tribunal de Contas resultou em uma economia de quase 750 mil reais para os cofres do município. O Pregão Eletrônico nº 001/2019, seria realizado no próximo dia 18 de fevereiro para atender ao Poder Legislativo de Garanhuns, o objeto tratava da locação de 13 automóveis, todos ‘zero quilômetro’ e ano 2019 A relatoria é do conselheiro Dirceu Rodolfo.

O edital foi publicado no Diário Oficial do Municípios do último dia 1º de fevereiro. A contratação não incluía a necessidade de motorista, nem o fornecimento de combustível e o valor estimado era de R$ 748.966,95.

Um levantamento realizado pela equipe técnica da Inspetoria Regional de Arcoverde, no Sistema Integrado de Orçamento e Gestão da Informação (SIOGI) do TCE, comprovou a desproporcionalidade do valor envolvido. A partir da análise dos documentos solicitados à Câmara Municipal, a equipe do Tribunal observou que os gastos seriam quase cinco vezes superiores a média de veículos alugados em Garanhuns nos últimos quatro anos, correspondente a R$ 162.427,12.

O estudo apontou ainda que a licitação era tão dispendiosa que o valor da locação poderia ser suficiente para adquirir cerca de 30 veículos novos com o preço aproximado de R$ 50.000,00, somente na gestão do atual presidente que é de dois anos.

Diante das recomendações do Tribunal, o presidente do legislativo daquele município, Daniel da Silva, decidiu revogar o certame, publicando a decisão no Diário Oficial da AMUPE do último dia 15, e gerando uma economia de R$ 748.966,94.

Gerência de jornalismo.

Em Garanhuns, PSB e mais quatro partidos denunciam ‘funcionários fantasmas’ na gestão de Izaias Régis


O Ministério Público do Estado de Pernambuco (MPPE) acatou uma denúncia, feira pelo PSB, REDE, PPS, PP e PSOL, contra o prefeito Izaias Régis (PTB), abrindo um inquérito para fazer investigações.


Segundo o despacho oficial de abertura do inquérito, os partidos apresentaram uma representação sobre um suposto “esquema de funcionários fantasmas na Prefeitura de Garanhuns”.



As legendas acusam o prefeito de manter funcionários supostamente sem trabalhar, para depois, segundo a representação, serem usados como cabos eleitorais.



A abertura da investigação foi determinada em 29 de janeiro, pelo promotor Domingos Sávio Pereira Agra, que atua em Garanhuns. O promotor comunicou a abertura da investigação ao Conselho Superior do MPPE, em Recife.



Fontes na cidade, contudo, atribuem a denúncia à aproximação das eleições de 2020.



Em segundo mandato, Izaias não poderá disputar, devendo indicar um nome.



Pelo lado do Palácio do Campo das Princesas, corre por fora o deputado estadual Sivaldo Albino (PSB). O partido, segundo essas fontes, desde os tempos de Eduardo Campos se recente de não conseguir conquistar a Prefeitura.



Blog do Jamildo

sábado, 16 de fevereiro de 2019

Casal encontrado carbonizado em uma residência em Caruaru, foi assassinado confirma laudo no IML


Foram sepultados na manhã desta sexta-feira 15 de fevereiro de 2019, no Cemitério Parque dos Arcos, os corpos do casal, João Victor Santos Silva, de 19 anos e da esposa, Talita Borges da Silva, de 18 anos, que foram encontrados mortos e carbonizados nos destroços da casa onde moravam na noite do dia 25 de janeiro no Sítio Peladas.





O Laudo do IML do Recife confirmou que as vítimas foram mortas a tiros e facadas, inclusive houve toda essa demora na liberação dos corpos porque os corpos ficaram muitos estragados e familiares tiveram que ser submetidos a exames de DNA para se fazer um confronto com o material genético das vítimas e o resultado desse exame só foi liberado ontem.



De acordo com o blod Adielson Galvão, a Polícia Civil está investigando o caso e esses dois crimes entram para a estatística dos assassinatos do mês de janeiro que com esses dois casos contabiliza 19 homicídios e 26 no ano de 2019.

"SINTO NADA DURMO TRANQUILO": Criança de 12 anos que matou duas pessoas no Pina é apreendida


Uma criança de 12 anos que ficou conhecida no noticiário policial por ter confessado a autoria de dois homicídios no bairro do Pina, na Zona Sul do Recife, foi apreendida pela Polícia Civil nesta sexta-feira (15). Junto com ele, outros dois adolescentes de 15 anos que tiveram participação nos atos infracionais também foram recolhidos por força de um mandado de apreensão expedido pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE).

Segundo a polícia, apenas o garoto de 12 anos tem participação nos dois homicídios cometidos na comunidade Beira Rio. Na primeira ocorrência, registrada em dezembro de 2018, ele matou o cadeirante José Ricardo Silva, de 44 anos, com a ajuda de um dos adolescentes de 15 anos. Ambos foram localizados e apreendidos pela polícia embaixo do viaduto que dá acesso ao Shopping RioMar, no Pina.

Já no segundo caso, ocorrido no último dia 20 de janeiro, ele matou o idoso Paulo Alberto Gonçalves da Silva, 68 anos. De acordo com o delegado de Homicídios Elielton Xavier, ele estava fumando maconha na caçamba do carro da vítima com o segundo adolescente de 15 anos.

Ao flagrar a cena, a vítima reclamou e iniciou uma discussão com os infratores. Paulo Alberto teria agredido a criança, que foi até sua casa, pegou uma arma, e voltou para executar o idoso com um tiro. O segundo disparo teria sido dado pelo segundo adolescente de 15 anos que estava com ele no carro.

Levado dois dias depois do segundo ato infracional para prestar depoimento na sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o garoto mais novo surpreendeu os experientes policiais ao descrever com frieza a sequência de homicídios: “Sinto nada. Durmo tranquilo”, teria dito o infrator, segundo recordou o delegado Alaumo Lima, do DHPP. Na ocasião, ele foi liberado porque não houve flagrante e deixou a delegacia acompanhado da mãe.

As apreensões desta sexta-feira foram solicitadas pela polícia ao TJPE. Elielton Xavier acredita que o recolhimento do grupo vai evitar novos homicídios, já que a criança jurou de morte outras três pessoas da comunidade, assim que foi localizada pelos policiais.

Os três garotos foram encaminhados para internamento na Unidade de Atendimento Inicial (Uniai), onde serão tomadas as medidas socioeducativas.

Op9

Mecânico foi executado a tiros em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco


Um homicídio foi registrado durante a tarde desta sexta-feira 15 de fevereiro de 2019, na rua Inácio Correia de Melo, no cruzamento com a Rua São Miguel, na Boa Vista, em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco.
A vítima foi identificado como sendo Silberto Vidal da Silva, de 33 anos, (mecânico), estava em seu estabelecimento, por volta das 15h00 quando foi surpreendido por dois elementos que chegaram em uma motocicleta efetuaram vários disparos de arma de fogo contra Silberto, que foi atingindo por três disparos na cabeça, um na perna esquerda e outro no braço esquerdo, devido os ferimentos a vítima  foi a óbito no local.




Após o crime, os elementos tomaram destino ignorado na motocicleta uma Honda CG-150, na cor preta e de maiores dados não anotados.

A Polícia Militar foi acionada, esteve no local, realizou o isolamento, e acionou a Polícia Civil com  uma equipe do Instituto Criminalística para realizar o levantamento cadavérico.



O corpo da vítima foi encaminhado para o IML de Caruaru por meio de serviço funeral contratado pela família. 

Foram realizadas buscas pela PM mas nenhum dos suspeitos foi localizado. A vítima cumpria pena no Semi-aberto e estava usando tornozeleira eletrônica. Motivação e autoria ainda são desconhecidas.

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Homicídios, comandada pelo delegado Eric Costa esteve no local, buscou informações, colheu imagens de circuito de câmeras e iniciou as investigações. No início da noite de hoje, as imagens dos suspeitos foram divulgadas.


Imagem dos sujeitos

A Delegacia de Homicídios pedem que quem tiver informações que denuncie por meio do Whatsapp da Delegacia, através do (87)9.8137-1111.

O caso será investigado pela 22ª Delegacia de Homicídios.

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

Tonho de Belo pede Perdão a Carla de Zé de Vilaço


O vereador Tonho de Belo do Cal (PSDB) admitiu ter errado e pediu perdão a Vereadora Carla Patricia (PTB), a Carla de Zé de Vilaço. O Parlamentar esteve hoje pela manhã, dia 15, no programa o Arraiá de Glaúcio Costa, veiculado pela Marano FM, para reconhecer o erro e se justificar junto a Vereadora, bem como aos familiares, sobretudo ao ex-vereador Zé de Vilaço, pai de Carla.

“Qual é o ser humano que nunca errou?”, questionou Tonho, complementando em seguida: “estou aqui para pedir desculpas a Vereadora Carla de Vilaço (...); pedir perdão, em público, primeiro a Deus, e a Vereadora Carla, porque eu já conversei com toda a (sua) família”, registrou Tonho de Belo, com a voz engasgada pela emoção.

A polêmica foi gerada após a gravação de uma conversa informal entre Vereadores e Assessores, que segundo Tonho de Belo teria acontecido no gabinete do vereador Professor Márcio (PHS), dentro da Câmara de Vereadores, ter vindo a público através do aplicativo WhatsApp. Na ocasião, Belo do Cal censurou posturas dos vereadores Alcindo Correia (PCdoB); Daniel da Silva (PSC) e atingiu diretamente a ex-presidente da Câmara, a vereadora Carla de Zé de Vilaço.


TONHO TAMBÉM VAI A JUSTIÇA – Ainda durante a entrevista ao radialista Gláucio Costa, o vereador Tonho de Belo registrou que as citações aos outros dois Vereadores (Alcindo Correia e Daniel da Silva) não passaram de uma brincadeira, que costumeiramente faz na Câmara. Ele também garantiu que vai acionar a Justiça para “saber se teve alguma armação, porque a gente tem que desvendar esse problema, que mais afetou a Vereadora Carla Vilaça”, pontuou Tonho de Belo.

Do Blog Carlos Eugênio

PF: Realiza erradicação de 234 mil pés de maconha em Salgueiro no Sertão de Pernambuco


A Polícia Federal através de sua Delegacia em Salgueiro/PE vem promovendo ações de identificação e consequente erradicação de plantios de maconha no sertão pernambucano. Tais medidas fazem parte das estratégias adotadas pela Coordenação-Geral de Prevenção e Repressão a Entorpecentes-CGPRE, Órgão Central da Polícia Federal em Brasília/DF, com o objetivo de reduzir a produção e oferta de maconha no sertão Pernambucano. A Operação Facheiro I, contou com um efetivo de mais de 40 policiais entre federais, civis e militares. Os policias trabalharam com incursões terrestres, aéreas e fluviais e contou com o apoio de 02 (duas) aeronaves sendo uma da CAOP-Coordenação de Aviação Operacional e outra do BAVOP – Batalhão de Aviação Operacional da Polícia Militar do Distrito Federal, botes infláveis, além de uma ambulância do Corpo de Bombeiros para realização de pronto atendimento caso haja alguma emergência. 




Desta vez foi concluída a primeira operação de erradicação e destruição dos plantios de maconha no Sertão Pernambucano *nos dias compreendidos de 05 a 13 de fevereiro/2019 (09 dias) onde conseguiu-se erradicar e destruir cerca de 234 mil pés de maconha, 73 plantios, 59 mil mudas da planta. Os plantios foram localizados através de levantamentos feitos pela Polícia Federal em algumas ilhas dos Rio São Francisco e na Região de Orocó/PE, Cabrobó/PE, Belém do São Francisco/PE e Santa Maria da Boa Vista/PE, bem como em áreas de caatinga em Salgueiro/PE, Carnaubeira da Penha/PE, Serra Talhada/PE, Betânia/PE, Parnamirim/PE, Ibó/PE e Floresta/PE.



O ciclo produtivo da cannabis é acompanhado de perto por policiais federais e quando vai se aproximando o período da colheita novas ações são realizadas coibindo assim a secagem e a consequente introdução no mercado consumidor (pontos de vendas de drogas). As constantes operações policiais de erradicação de maconha no sertão de Pernambuco, não tem dado tempo ao traficante daquela região em produzir a droga em seu pleno desenvolvimento, o que tem levado a importação da droga do Paraguai.  Isto também está demonstrado pelo aumento das apreensões feitas pela Polícia Federal de maconha vinda daquele país vizinho. CASO OS 234 MIL PÉS DE MACONHA FOSSEM COLHIDOS, PRENSADOS E COLOCADOS NO MERCADO CONSUMIDOR DARIA PARA SE FAZER 78 TONELADAS DE MACONHA!. Assim com essas operações consecutivas a Polícia Federal contribui significativamente para o desabastecimento dos pontos de venda de droga em nosso estado como também em outros estados da região nordeste, evitando assim a escalada da violência tais como: assaltos, furtos, homicídios, assassinatos, acertos de contas, porque geralmente essas ocorrências giram em torno do tráfico de drogas. Cada ponto de venda de droga desabastecido, significa um foco a menos de violência. 

Facheiro é uma planta da família das cactáceas e chega a atingir até dez metros de altura com ramificação verde-escuro e bastantes espinhos, ocorrendo nas caatingas dos estados do nordeste.

Nove presos em operação contra desvios de recursos em Quipapá/PE

Sede da Menezes Locações, empresa que locava ônibus escolares para Quipapá
Foto: Divulgação/MPPE
Na tarde desta quinta-feira (14), o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e a Polícia Civil apresentaram os detalhes da 4ª fase da Operação Gênesis, que visa desarticular um esquema de fraudes em licitações em Quipapá, Mata Sul de Pernambuco. Segundo promotor Frederico Magalhães, foram nove pessoas presas pela operação, três delas nesta quinta.

“Essa 4ª fase é resultado de uma investigação que começou em meados de 2017 que visava apurar o desvio de recursos por empresas, a maioria de fachada, em Quipapá”, contou Magalhães. “Algumas intervenções judiciais foram feitas no decorrer do trabalho, por isso houve três fases anteriores”, continuou.

O MPPE abriu denúncia contra 23 pessoas suspeitas de envolvimento no esquema. “Eles montavam licitações de acordo com as necessidades do município na prestação de serviços públicos”, acrescentou o promotor. Uma das áreas de atuação do grupo era no aluguel de ônibus escolares, onde foram desviados mais de R$ 10 milhões de reais.


Com o valor, seria possível para a prefeitura de Quipapá comprar 63 veículos novos para transporte escolar. As empresas de fachada envolvidas no esquema são a RQ Locações, JC Locações e Menezes Locações. Nenhuma delas possui carros para operar o serviço.

O esquema era encabeçado por Vinicius Santos de Oliveira, em sociedade com Edmilson Vieira da Mota. Eles orientavam Álvaro Antônio Teixeira de Souza, procurador da Menezes Locações e da SA Souza Locações. O primo de Álvaro, Marcos Fernando Araújo Lopes, era sócio da Genesis Locações.

Ainda ligados à Menezes Locações, estão Abzael Correia de Barros, ex-sócio da empresa de fachada e procurador da SA Souza, e Paulo Sergio Silva de Lima, também procurador da SA e da RQ Locações.


A esta última empresa fantasma, está ligado Saulo José Morim de Barros Pinto, também beneficiário do esquema. Ele é sócio da D’Barros Construções, uma empresa de fachada ligada a fraudes na construção civil em Quipapá.

“Eles também fraudavam o fornecimento de merenda, construção de escolas, hospitais”, explicou Magalhães. As empresas atuavam em conluio, formando um cartel para concorrer em licitações da prefeitura. “Elas dividiam os recursos fornecidos pelo município e não prestavam conta dos serviços”, continuou.

Segundo o MP, funcionários públicos eram os principais agentes facilitadores do esquema e recebiam propina. “Há um caso de um servidor que sacou R$ 83 mil de uma vez só”, relatou o promotor.

R$ 300 milhões em desvios
Frederico Magalhães afirmou que o grupo atuaria também em outros municípios do Estado. “Esse pessoal tem atuação em várias cidades de Pernambuco, com empresas que não possuem a menor condição de fornecer serviços às prefeituras”, pontuou.

Ao todo, o esquema encabeçado por Vinicius teria desviado R$ 300 milhões de reais em recursos públicos, somando os diversos municípios onde atuava.

“Eles forjavam licitações, organizavam tudo, e ainda tentavam dar uma aparência de legalidade ao processo”, continuou Magalhães. Ao mesmo tempo, não havia preocupação em maquiar as sedes das empresas de fachada. O MP mostrou fotos de imóveis precários, sem identificação, onde funcionariam as supostas empresas.

“Todos trabalhavam com muito pouca preocupação de serem pegos, confiavam na impunidade”, disse o promotor. Os bens dos acusados estão sendo rastreados para que possam ser bloqueados e o valor seja devolvido ao Estado. “Também queremos identificar outros agentes públicos ou agentes políticos envolvidos com essas pessoas”, concluiu Magalhães.

Também presente na coletiva, a delegada Silvana Lellys, do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (Draco), disse que a Polícia Civil atuou identificando que tipo de fontes documentais poderiam ser apreendidas nas buscas e apreensões. “Tudo o que foi relevante na análise dos documentos, dos papéis, foi apontado pela polícia”, afirmou.

JC online

QUER ANUNCIAR NO BLOG Ligue 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420

J&N CARNES

J&N CARNES