Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8164-4420 Whatsapp: (87)9.9962-6354

Local do Som Equipadora e Auto Center.

Local do Som  Equipadora e Auto Center.

Casa do Côco.

Casa do Côco.

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Cursos de Confeitaria com Profissionais Renomados Clique na Imagem e faça sua inscrição.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

King Lanternagem e Pintura.

King Lanternagem e Pintura.

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Candidato a vereador do Recife é preso nesta quarta-feira (24) acusado de estuprar três crianças


Um candidato a vereador do Recife foi preso na manhã desta quarta-feira. O técnico em enfermagem e bacharel em direito Jamerson Dantas, de 35 anos, foi detido em cumprimento a um mandado de prisão expedido pela justiça.
Jamerson é acusado de estuprar três crianças no bairro de Caixa D´água, Zona Norte do Recife. O suspeito foi encaminhado para a Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente (GPCVA), no bairro da Madalena. O caso está sendo investigado pelo delegado Ademir Oliveira.
De acordo com o delegado, os três crimes já teriam sido confirmados e dois deles teriam motivado a prisão: um contra um menino de 13 anos e outro contra uma menina de 10 anos. As suspeitas chegaram à polícia há cerca de dois meses. O garoto, que seria filho de um amigo do suspeito, teria sido obrigado a praticar sexo anal e oral dentro da própria casa, na Linha do Tiro. Já a menina, estuprada na casa do suspeito, em Beberibe, teria sido ameaçada pelo político para não denunciá-lo. Um terceiro caso, contra um menino de oito anos primo da garota, ainda está em fase inicial de investigação.
“Nos parece que ele é um pedófilo, um estuprador contumaz. Infelizmente, não deve se restringir a estes casos. Os pais que tiveram filhos nessa situação devem nos procurar aqui na GPCA”, esclareceu Ademir Oliveira, acrescentando que o suspeito deve ser indiciado por estupro de vulnerável, crime hediondo que prevê pena de até 15 anos de prisão. Em depoimento, o suspeito negou o crime e se disse vítima de perseguição política. Ele segue ainda hoje para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, onde ficará à disposição da 1ª Vara da Infância e da Juventude.
Diário de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO BLOG Ligue 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420