Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8857-0534 WhatsApp

Clique na imagem para outras informações

A M SEMENTEIRA - Mudas de hortaliças e legumes

A M SEMENTEIRA -  Mudas de hortaliças e legumes

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

quinta-feira, 17 de dezembro de 2020

Sem vacinação, Paulo Câmara vai suspender Carnaval de 2021

 

Do Blog do Jamildo

O governo do Estado confirmou nesta tarde de quinta que vai cancelar a festa de Carnaval no Estado, em 2021, por conta do avanço da epidemia do coronavírus. De acordo com técnicos do governo, a discussão se intensificou nesta semana e a avaliação consensual era de que era quase impossível manter as datas da festa, diante do recrudescimento da doença e uma segunda onda de contaminações. 

A incerteza em relação ao programa nacional de imunização com as vacinas ajudou a basear a decisão mais drástica por parte do Estado. “Os números estão em tendência de alta e não há condição de vacinar a população até fevereiro. Nesse contexto é inviável manter o Carnaval e todas as aglomerações que já conhecemos”, informou uma fonte governamental. Conforme antecipou o blog, no encontro que manteve com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, o governador Paulo Câmara manifestou a preocupação com a quantidade de vacinas previstas no plano inicial do governo federal para imunização do coronavírus pelo Brasil. É neste contexto que vários Estados tem procurado o Butantan, de São Paulo, como plano B. O entendimento do Estado era que, com a quantidade inicialmente prevista, não será possível atender satisfatoriamente a população. Pelo plano, o Estado receberia inicialmente 500 mil doses. Com esta quantidade, somente 36 mil seriam usadas para os profissionais de saúde do setor público, além de outros 40 mil do setor privado. Mas não daria para atender toda a população de idosos, com risco de gerar filas e caos nos postos de saúde. Isto tudo porque, no plano inicial, o governo federal prevê apenas 15 milhões de doses em janeiro, para todos os Estados. Depois, mais 15 milhões em fevereiro, outros 40 milhões em março e 70 milhões em abril. 

Caso seja fechado o acordo com a Pfiser, este numero pularia para 70 milhões somente em maio, mesmo com o recrudescimento da doença neste final de ano. “Neste formato, é impossível atender toda a população”, explica uma fonte do Estado. “Eles precisam acordar para Jesus”. O anúncio ocorre no mesmo dia em que tomou pose o novo ministro do Turismo de Bolsonaro, Gilson Machado Neto, que faz oposição ao governador Paulo Câmara. ‘Paulo Câmara gravou um vídeo comigo e disse que não vai haver novo lockdown em Pernambuco’, diz Gilson Machado Neto, novo ministro do Turismo Nesta quinta-feira, o governo de Pernambuco já havia prorrogado o estado de calamidade pública em razão da pandemia do coronavírus. A ampliação é válida por 180 dias a partir de 1º de janeiro de 2021 e segue até 30 de junho do próximo ano. 

Na justificativa da decisão, o governo alegou a “inexistência de um cronograma definido de início e de conclusão do processo de imunização brasileira contra o coronavírus”. A gestão estadual também disse que emergência de saúde pública continua em escala internacional e que observou a “necessidade de manutenção das medidas sanitárias e administrativas voltadas ao enfrentamento da pandemia”. A medida é válida para todo o estado de Pernambuco, que tem 184 municípios e o distrito do Arquipélago de Fernando de Noronha. O primeiro decreto de calamidade havia sido publicado em 20 de março e era válido até 16 de setembro. Depois, o estado de calamidade foi renovado no dia 17 de setembro.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO PORTAL Ligue 87 9. 8812-6217