Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8857-0534 WhatsApp

Clique na imagem para outras informações

A M SEMENTEIRA - Mudas de hortaliças e legumes

A M SEMENTEIRA -  Mudas de hortaliças e legumes

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2021

TRATA-SE DE UMA INFECÇÃO URINÁRIA - Menina de um ano não sofreu abuso sexual em hotelzinho de Garanhuns, no Agreste de Pernambuco

O caso investigado pela Polícia Civil acerca de um suposto estupro de vulnerável, que teria ocorrido dentro de um espaço infantil de Garanhuns, no bairro da Boa Vista no último dia 08 de fevereiro, pode não ter se tratado de estupro ou abuso sexual. Primeiro é importante ressaltar que, de acordo com o BO do fato, os pais foram sim à delegacia e se mostraram dispostos a representar criminalmente contra a proprietária do hotelzinho infantil e que, ainda segundo o BO, o caso estava sendo tratado como um suposto estupro consumado, mas, informações obtidas pelo portal esta manhã apontam um novo rumo para esta história. 
O portal apurou que a conselheira tutelar que acompanhou a criança até o IML de Caruaru para realização de exame sexológico disse em conversa reservada que a lesão e sangramento na vulva da menina havia sido ocasionada por uma infecção urinária e não por um suposto abuso, como registrado no boletim.  Como a conversa da servidora foi informal, ela não deu mais detalhes, nem falou se a afirmação que aponta para uma infecção urinária se baseou no laudo. Tentamos contactar a conselheira tutelar, mas a mesma não quis entrar em detalhes sobre o assunto, se limitando a dizer que o Conselho Tutelar expediria nota sobre o caso ainda hoje.

O portal teve acesso com exclusividade ao laudo final do exame sexológico da menina e este continha o seguinte resultado: "Exame negativo para conjunção carnal": É bom frisar que esse resultado, por si só, não confirma nem descarta outro tipo de ato libidinoso, por exemplo, mas, "junto com a palavra do Conselho Tutelar, que acompanhou o caso e disse ter se tratado de uma infecção urinária," é um claro indicativo que a criança não foi abusada sexualmente no espaço infantil.  Procuramos contato com o hotelzinho e com a mãe da menina, mas, até o fechamento desta publicação, não havíamos obtido êxito. Continuamos acompanhando os desdobramentos desta situação.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO PORTAL Ligue 87 9. 8812-6217