Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8164-4420 Whatsapp: (87)9.9962-6354

Local do Som Equipadora e Auto Center.

Local do Som  Equipadora e Auto Center.

Casa do Côco.

Casa do Côco.

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade
Org: Maciel.

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Rua do Ipiranga, 143 Boa Vista Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

King Lanternagem e Pintura.

King Lanternagem e Pintura.

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Secretaria da Mulher firma parceria com Fundação Casem


Iniciativa busca trabalhar o combate à violência doméstica com os adolescentes, mães e servidores da fundação

A desconstrução de preconceitos e conscientização acerca do combate à violência doméstica e familiar contra a mulher é o objetivo principal da parceria firmada entre a Secretaria da Mulher de Garanhuns e a Casa de Semiliberdade (Casem) da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase).

A ideia é desenvolver a noção de respeito ao outro e as diferenças, estimulando o pensamento crítico reflexivo para construção de paz e equidade com os adolescentes da Casem.  O projeto pretende ser mais um marco na luta contra violência doméstica e familiar. “Nós achamos super importante haver uma conscientização a respeito do combate à violência doméstica familiar na Casem, porque a maioria das vítimas desses jovens são suas próprias mães. Muitos deles vêm de ambientes violentos e acabam praticando a agressão por isso ter sido naturalizado dentro de suas realidades. Muitas vezes, quando não acontece a agressão física, eles não reconhecem que foi violência, nem as mães reconhecem que foram vítimas. Vamos trabalhar os adolescentes nesse sentido, como reconhecimento das formas de violência, para que não venham a praticar”, explica a secretária da Mulher, Walkiria Alves.

O projeto também pretende abranger as mães dos assistidos e os servidores da fundação. “Vamos trabalhar as mães, para que elas também conheçam essas formas de violência. Além disso, vamos desenvolver com elas o respeito, a autoestima e o empoderamento. Com os profissionais, vamos trabalhar no combate a essa naturalização da violência que faz com que mesmo dentro das instituições, não se reconheça a violência”, finaliza a titular da pasta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO BLOG Ligue 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420

J&N CARNES

J&N CARNES