Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8812-6217 WhatsApp

Clique na imagem para outras informações

A M SEMENTEIRA - Mudas de hortaliças e legumes

A M SEMENTEIRA -  Mudas de hortaliças e legumes

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Prime rastreamento e proteção automotiva

Prime rastreamento e proteção automotiva

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

quinta-feira, 16 de julho de 2020

Foram confirmados 2.188 casos do Covid-19 no Agreste, 566 na Mata Sul e 336 no Sertão


Pernambuco confirmou, nesta quinta-feira (16), mais 1.131 casos da Covid-19 e 64 mortes, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES). Com isso, o estado passou a contabilizar 76.091 infectados pelo novo coronavírus e 5.836 óbitos, números que começaram a ser registrados no início da pandemia, em março.

registrados no início da pandemia, em março.

De acordo com a SES, do número de confirmações no boletim desta quinta-feira (16), 962 são casos leves, de pacientes que não precisaram ser internados em hospitais, que estavam na fase final da doença ou curados. Os outros 169 se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag). Do total de 76.091 registros da Covid-19, 21.653 são graves e 54.438 leves.

Dos 64 óbitos confirmados nesta quinta (16), 46 ocorreram entre o dia 24 de abril e o domingo (12). As outras 18 mortes aconteceram entre a segunda-feira (13) e a quarta-feira (15). Os detalhes epidemiológicos, como local dos óbitos e faixa etária e comorbidades das vítimas, devem ser divulgados à noite pelo governo estadual.

No boletim desta quinta, a SES informou que "a melhor forma de analisar a evolução e a curva de transmissão da doença é a partir das datas de ocorrência dos óbitos e pelas datas de notificação dos casos" e que "a análise pelos dados dos informes diários não é indicada, já que, por vezes, há o acúmulo, ou a falta de notificações, que são feitas pelas secretarias municipais, unidades de saúde e laboratórios".

Sendo assim, segundo o governo, ao longo das últimas semanas, Pernambuco "vem observando uma tendência de queda dos casos e dos óbitos pela Covid-19" e "as análises apontam uma redução em todos os indicadores na comparação entre as semanas epidemiológicas 27 (28/06 a 04/07) e 28 (05 a 11/07)".



Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO PORTAL Ligue 87 9. 8812-6217