Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8812-6217 WhatsApp

Clique na imagem para outras informações

Sombra Celular nesse você pode confiar

Sombra Celular  nesse você pode confiar

A M SEMENTEIRA - Mudas de hortaliças e legumes

A M SEMENTEIRA -  Mudas de hortaliças e legumes

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

domingo, 13 de setembro de 2020

Juíza Concede Direito de Resposta ao Prefeito Izaías Régis contra ataques de Blogueiro nas Redes Sociais


Do blog Carlos Eugênio

A Juíza Alyne Dionísio Barbosa Padilha deferiu tutela de urgência nessa sexta-feira, dia 11, determinando a intimação do blogueiro Kleber Cisneiros, para que, no prazo de 48 horas conceda direito de resposta ao Prefeito Izaías Régis (PTB) referente a colocações feitas durante live reproduzida no Facebook. 

Na transmissão ao vivo na Rede Social, Kleber Cisneiros, aparentando estar alterado emocionalmente, atribuiu adjetivos pejorativos ao Prefeito de Garanhuns ao comentar os casos positivos e as mortes por COVID-19 registradas no Município. Além das agressões verbais ao Prefeito, Ele ainda acusa o Gestor de nada fazer contra a COVID-19.


De acordo com a sentença da Juíza de Direito Substituta da Comarca de Garanhuns, Cisneiros terá que conceder a Izaías espaço em sua página no Facebook, denominada de Blog dos Cisneiros, “nos mesmos moldes e com a mesma divulgação e amplitude do vídeo impugnado”, sob pena de multa diária com valor que pode ir de R$ 3 a 51 mil reais.


A Magistrada também intimou as partes envolvidas no processo para que participem de uma “audiência de conciliação ou de mediação”. Ainda segundo a decisão da Juíza, “o não comparecimento injustificado de qualquer uma delas (partes) à audiência é ato atentatório à dignidade da justiça e será sancionado com multa de até dois por cento da vantagem econômica pretendia ou do valor da causa, revertida em favor do Estado”, cita a decisão da Juíza Alyne Dionísio Barbosa Padilha. Dá decisão cabe recurso.

O Blog está a disposição dos citados nesta reportagem para que possam dar as suas versões quanto a decisão da Juíza de Direito Substituta da Comarca de Garanhuns.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO PORTAL Ligue 87 9. 8812-6217