Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8857-0534 WhatsApp

Clique na imagem para outras informações

A M SEMENTEIRA - Mudas de hortaliças e legumes

A M SEMENTEIRA -  Mudas de hortaliças e legumes

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

segunda-feira, 28 de junho de 2021

Serial killer Lázaro é morto durante troca de tiros na mata, diz polícia civil

 


Após o governador de Goiás anunciar a prisão de Lázaro, chegou a informação de que Lázaro na realidade foi ferido e morto nesta segunda, 28, após confronto com a polícia. A informação foi dada pela Rede Globo. A fala do governador nas redes sociais dava a entender que o assassino teria sido capturado vivo, mas a Polícia confirmou a morte do homicida.

Suspeito de matar uma família no Distrito Federal e balear outras cinco pessoas numa série de assaltos em chácaras na capital do país e em Goiás, Lázaro Barbosa de Sousa, 32 anos, foi morto durante confronto com forças policiais na manhã desta segunda-feira (28/6). Mais cedo, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, fez o anúncio em suas redes sociais de que o serial killer teia sido preso. Instantes depois, agentes que trabalham na captura informaram que ele estria morto.

A informação é de que o corpo de Lázaro Barbosa está no hospital de Águas Lindas de Goiás, cidade em que ele foi morto, aguardando a necropsia. De acordo com informações ele estaria na casa da ex-sogra, mas fugiu ao ver a polícia se aproximando. Após fugir para uma mata, Lázaro, de 32 anos, foi cercado, trocou tiros com a polícia, e foi morto. A Secretaria de Segurança de Goiás vai dá uma entrevista coletiva em instantes com mais informações sobre a morte do  assassino.

O maníaco estava à caça do foragido havia 20 dias. Nesse período, o suspeito invadiu várias propriedades rurais fez reféns, roubou alimentos e impôs terror com violência e ameaças.


Logo mais outras informações.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO PORTAL Ligue 87 9. 8812-6217