Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8812-6217 WhatsApp

Clique na imagem para efetuar sua compra.

PRIME RASTREAMENTO E PROTEÇÃO AUTOMOTIVA

PRIME RASTREAMENTO E PROTEÇÃO AUTOMOTIVA

A M SEMENTEIRA - Mudas de hortaliças e legumes

A M SEMENTEIRA -  Mudas de hortaliças e legumes

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade
Org: Maciel.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Veículos de transporte irregular que faziam linhas de Maceió para Garanhuns e Canhotinho, são apreendidos na operação da Arsal


Três veículos que realizavam transporte irregular de passageiros em Maceó e no interior de Alagoas foram apreendidos durante uma operação da Agência Reguladora dos Serviços Públicos do Estado de Alagoas (Arsal) que teve início na terça-feira (12) com continuidade nesta quarta-feira (13). Os locais de abordagem dos veículos são estratégicos, em pontos comuns de desembarque dos transportes particulares na capital e Região Metropolitana. 

Os veículos apreendidos pelos fiscais foram uma van particular que seguia pela BR-104 de Maceió para Garanhuns, em Pernambuco. O outro era uma Doblò que vinha de Canhotinho, em Pernambuco, e seguia para Maceió. Os dois estavam realizando transporte interestadual de passageiros de forma irregular. O terceiro veículo era outra Doblò que fazia lotação de Messias para Maceió. 

Os motoristas flagrados na ação, além de ter os veículos apreendidos, serão levados para a Delegacia Especializada da Polícia Civil e enquadrados por executar serviço de transporte de passageiros sem autorização (Código 7702, da Tabela de Códigos e Infrações da Resolução nº 8 da Arsal, de 26 de junho de 2017); por usurpar de uso da função pública (art. 328, §1º do Código Penal); por expor a vida ou a saúde de outras pessoas ao perigo (artigo 132 do Código Penal); por exercer profissão ou atividade econômica sem preencher as condições exigidas para o seu exercício (Art. 47 da Lei das Contravenções Penais) e por estar em desacordo com o Código de Trânsito Brasileiro, que em seu artigo 231 considera infração média o transporte remunerado de pessoas ou bens sem o devido licenciamento, atribuindo-lhe como pena multa e retenção do veículo. O presidente da Arsal, Ronaldo Medeiros, alerta para o risco dos usuários que usam esse tipo de transporte. 

“Os veículos clandestinos não oferecem segurança nenhuma. Na maioria das vezes, os carros estão sem vistoria e os motoristas, inabilitados para o serviço, colocando em risco a vida dos passageiros”, explica. A ação conta com o apoio do Procon Alagoas, das polícias Civil e Militar, do Ministério Público Estadual, Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito de Maceió (SMTT), Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e Sociedade Nacional de Apoio Rodoviário e Turístico (Sinart), do Batalhões de Policiamento de Trânsito (BPTran) e Policial Rodoviário (BPRv), além do Grupamento de Ações Táticas de Transportes (GATT).

OP9


Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO PORTAL Ligue 87 9. 8812-6217