Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8812-6217 WhatsApp

Clique na imagem para outras informações

A M SEMENTEIRA - Mudas de hortaliças e legumes

A M SEMENTEIRA -  Mudas de hortaliças e legumes

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Informações clique na imagem

Informações clique na imagem
Rifas Confiante Rifamos seu sonho e ajudando as pessoas!

Prime rastreamento e proteção automotiva

Prime rastreamento e proteção automotiva

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

sábado, 21 de março de 2020

URGENTE - Governo de Pernambuco estaria escondendo duas mortes por coronavírus denúncia é de policiais civis que trabalham no IML que não teriam equipamentos adequados para autópsia



Atendendo a pedidos dos Policiais Civis que estão trabalhando no IML do Recife, neste sábado (21), o presidente do Sinpol, Áureo Cisneiros, foi até o instituto para averiguar a denúncia de que teria chegado um corpo, suspeito, de ter vindo à óbito em decorrência do novo corona vírus. Lamentável, mas para piorar a situação, o governo ainda não cumpriu a decisão judicial que obriga o Estado a garantir o fornecimento de equipamentos de proteção individual, como macacões impermeáveis, luvas, óculos e álcool em gel para os trabalhadores da segurança pública. Em vez de fornecer os equipamentos, o Governo de Pernambuco recorreu da decisão e obteve do presidente do TJPE uma suspensão de liminar que revoga o prazo de 72 horas para fornecer os equipamentos, mas mantém o dever de fornecê-los aos profissionais de saúde, prioritariamente e em seguida aos policiais civis. Entretanto, profissionais que atuam no IML estariam apavorados por não estarem recebendo equipamentos específicos para a realização de necropsia de pessoas que foram a óbito com suspeita de coronavírus.

O corpo de um homem de 61 anos, nascido no Recife (apesar de sabermos sua identidade não a divulgaremos em respeito à família) permanece isolado e sem autópsia, já que os médicos legistas e os auxiliares de legista não têm como agir diante da falta dos equipamentos de segurança. 




Além disso, Áureo também alerta para a possibilidade de um outro caso de óbito em decorrência da pandemia, dessa vez em Camaragibe: "É muito importante que o governo do estado seja transparente com relação aos números do coronavírus em nosso território. A ciência da real gravidade da doença e do avanço em nosso solo podem salvar vidas. Chegou ao nosso conhecimento esse outro caso, de uma idosa de 79 anos que foi atendida na UPA da Caxangá e morreu ontem (20), já tendo sido enterrada no cemitérios de Camaragibe, pela funerária Amorim", revela.

Em nota, o Sinpol afirma que continuará atento e atuante para resguardar todos os Policiais Civis de Pernambuco e o povo, por conseguinte. E avisa: caso a vida e a segurança desses profissionais não sejam resguardadas, o Sinpol irá orientar que o atendimento ao público seja suspenso imediatamente.

O blog do Ricardo Antunes divulgou obque teria sido o primeiro óbito por coronavírus de Pernambuco, mas não se sabe se seria um terceiro caso ou um daqueles denunciados pelo Sinpol. Leiam: "O Governo de Pernambuco está escondendo a real situação dos afetados pelo coronavírus. O Blog confirmou que os números reais são bem maiores que os apresentados. Além disso, pelo menos uma morte já teria acontecido e não foi divulgada.
Trata-se justamente da diarista do casal de idosos que chegou da Itália, um homem de 71 anos e a esposa de 66. Os jornais inclusive noticiaram ontem que a idosa em questão foi o primeiro caso do Covid-19 resolvido no estado."
A se confirmar que o governo de Pernambuco está escondendo óbitos e casos de coronavírus no Eatado, a situação é gravíssima, por passar uma falsa sensação de segurança à população. No Distrito Federal, o governador age justamente para buscar transparência chegando a acionar a justiça federal para obter as listas de pessoas que testaram positivo para o vírus, inclusive do presidente da República. É urgente que o ministério público investigue essas graves denúncias.

O Portal está aberto aos esclarecimentos do governo de Pernambuco.


Do blog Noelia Brito

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO PORTAL Ligue 87 9. 8812-6217