Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8812-6217 WhatsApp

PRIME RASTREAMENTO E PROTEÇÃO AUTOMOTIVA

PRIME RASTREAMENTO E PROTEÇÃO AUTOMOTIVA

Sandro refeições

Sandro refeições

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade

Stop Lanches o Melhor Lanche da cidade
Org: Maciel.

Eletrônica Pc Games

Eletrônica Pc Games
Pop-shop Garanhuns

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

terça-feira, 22 de janeiro de 2019

EM GARANHUNS POPULAÇÃO ACEITA DE BOCA CALADA: Grupo marca protesto e diz que vai à Justiça contra aumento das passagens em Recife


A Frente de Luta pelo Transporte Público (FLTP) anunciou nesta terça-feira (22), em nota, que vai fazer uma manifestação na próxima quinta (24), às 11h, na Avenida Guararapes, no Centro do Recife, contra o possível reajuste nos preços das passagens de ônibus. O grupo afirmou também que vai ajuizar ações judiciais para que seja apresentada a proposta de não haver aumento nos valores.

O pedido do sindicato que representa as empresas de transporte, o Urbana-PE, é de 16,18%. Com isso, o anel A, que é o mais usado, pode aumentar de R$ 3,20 para R$ 3,70. O anel B, hoje de R$ 4,40, pode chegar a R$ 5,10.

A reunião do Conselho Superior de Transportes Metropolitano (CSTM) que vai definir o reajuste, é na próxima sexta-feira (25).

A Frente de Luta pelo Transporte Público argumenta que a proposta do Urbana-PE é acima do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial, que foi acumulado em 3,75% entre dezembro de 2017 e do ano passado, e está projetada em 4,01% em 2019.

“As empresas alegam ‘déficit’, mas não apresentam os dados relativos aos seus lucros com a operação e nem são revelados os aportes financeiros que o Estado já faz para o Sistema”, afirma o grupo em nota. “Sabemos que a proposta da Urbana é uma ação coordenada com o governador Paulo Câmara, que recorrentemente propõe um valor um pouco menor que as empresas para aparecer como um moderado. Na verdade trata-se de uma velha estratégia para iludir a população, pois não cumpriu as suas promessas de campanha para implementação da tarifa única e do Simop”. 

“Votar qualquer proposta de aumento no dia de posse dos novos conselheiros do CSTM, sem oferecer a oportunidade de envolvimento da sociedade civil na discussão sobre os rumos do transporte coletivo, é um ataque duro em quem depende do ônibus para trabalho e estudo”, disse ainda a Frente.

Confira a nota na íntegra
"Frente de Luta pelo Transporte Público (FLTP) repudia tentativa de aumento no preço da passagem de ônibus e denuncia que Conselheiros não tiveram oportunidade de apresentar propostas ao CSTM!

A equipe da Secretaria das Cidades e a direção do Consórcio Grande Recife mal tomaram posse e já convocaram uma reunião do Conselho Superior de Transporte Metropolitano para a próxima sexta-feiro, a pedido da URBANA-PE.

O que nos choca, mas não nos estranha, é o fato da URBANA ter enviado uma proposta de reajuste na órbita de 16% para o Secretário das Cidades e no mesmo dia todos os Conselheiros já haviam sido convocados para a reunião do CSTM. Todavia, não foi oportunizado aos Conselheiros, representantes da sociedade civil, apresentarem propostas para o encontro, tais como, paridade no órgão, tarifa única (bandeira do Governador) e aumento zero, definidas na última Conferência Metropolitana de Transportes.

O desejo da URBANA-PE em aumentar o valor atual da tarifa do ônibus em 16%, muito acima da inflação e do IPCA, eleva o preço do Anel A para R$ 3,70 e do Anel B para R$ 5,10. As empresas alegam “déficit”, mas não apresentam os dados relativos aos seus lucros com a operação e nem são revelados os aportes financeiros que o Estado já faz para o Sistema.

Sabemos que a proposta da URBANA é uma ação coordenada com o governador Paulo Câmara, que recorrentemente propõe um valor um pouco menor que as empresas para aparecer como um moderado. Na verdade trata-se de uma velha estratégia para iludir a população, pois não cumpriu as suas promessas de campanha para implementação da tarifa única e do SIMOP.

Vale ressaltar que nos anos de 2015, 2016 e 2017, os aumentos na tarifa do ônibus foram muito acima do índice de inflação, do IPCA e do IGPM. Não há argumento que justifique qualquer proposta de aumento, ainda mais no primeiro dia de funcionamento do Conselho Superior de Transporte Metropolitano (CSTM), sem os conselheiros sequer terem tomado posse. Desse jeito, o governador Paulo Câmara deixa claro que põe o interesse dos milhares de usuários do transporte coletivo abaixo do interesse das empresas ligadas à URBANA-PE.

Votar qualquer proposta de aumento no dia de posse dos novos conselheiros do CSTM, sem oferecer a oportunidade de envolvimento da sociedade civil na discussão sobre os rumos do transporte coletivo, é um ataque duro em quem depende do ônibus para trabalho e estudo.

Por isso, tomaremos todas as medidas necessárias, com o ajuizamento de ações judiciais para que seja garantido nosso direito de apresentar a proposta de aumento zero ao Conselho Superior de Transporte Metropolitano, e convocamos um ato para a próxima quinta-feira (24/01), às 11h, na Avenida Guararapes, em frente aos Correios, para dialogarmos e mostrarmos ao povo pernambucano o que Paulo Câmara pretende fazer!

Recife, 22 de janeiro de 2019.

Frente de Luta pelo Transporte Público de Pernambuco.

#AumentoZero
#PauloMentirinha"

Blog do Jamildo


DE R$2 60 PARA R$2,90: Desembargador derruba liminar que impedia aumento da passagem de ônibus em Garanhuns e preços sobem a partir desta sexta, 18/01


As passagens de ônibus urbanos em Garanhuns irão subir a partir desta sexta, 18 de janeiro. O aumento havia sido suspenso por uma decisão em caráter liminar do juiz Glacidelson Antônio da Silva, titular da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Garanhuns, que atendeu a um pedido de antecipação de tutela feito pela  2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania de Garanhuns. (clique AQUI e entenda). No entanto o TJPE, através de um de seus desembargadores, derrubou a liminar da Vara da Fazenda Pública e autorizou a São Cristóvão, principal empresa do segmento no município, a reajustar os preços.  

A partir de hoje o usuário pagará R$ 2,90 quando o pagamento for feito em dinheiro e R$ 2,80 quando for feito através do cartão Meu Passe Legal. Para estudantes, o valor da meia passagem será de R$ 1,40 e para os usuários do serviço opcional Garoinha, o preço passará a ser de R$ 3,45.


"A partir de hoje a tarifa já começa a vigorar  de acordo com o que foi decretado no final de 2018.  A tarifa passará de R$ 2, 60  para  R$ 2, 90 para quem compra o bilhete dentro do ônibus e R$  2,80 para quem compra antecipado", disse Domingos Sá, gerente da São Cristóvão, em entrevista ao jornalista Eduardo Peixoto, da Rádio Jornal de Garanhuns.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO BLOG Ligue 87 9 9962-6354 / 9 8164-4420