Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8857-0534 WhatsApp

Clique na imagem para outras informações

A M SEMENTEIRA - Mudas de hortaliças e legumes

A M SEMENTEIRA -  Mudas de hortaliças e legumes

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2021

Presença do vírus é preocupante em todas as regiões de Pernambuco, diz secretário da Saúde

 


Em entrevista coletiva de imprensa concedida de forma remota na tarde desta quarta-feira (17), o secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo, deixou claro que o cenário epidemiológico do Estado continua inspirando cuidados. 

A semana epidemiológica 6 de 2021, encerrada no último sábado (13), apresentou elevação nos indicadores de avaliação em quase todas as macrorregiões do Estado, com exceção da quarta macro, que engloba o Vale do São Francisco e o Araripe. 

Em Pernambuco, os números indicam que há uma tendência de estabilidade, porém em patamares elevados, com pequenas oscilações entre as semanas.  

Em relação aos dados de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), foram registrados 732 casos na semana epidemiológica (SE) 6, o que representa 21 notificações a mais que a SE 5 e 37 casos a mais que a SE 4. 

Nas solicitações de leitos de UTI, a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) registrou aumento de 20% nos pedidos entre as semanas 6 e 5. Com relação aos leitos de enfermaria, o crescimento nas solicitações por vagas foi de 14,3% no mesmo período. 

Por regiões

A primeira macrorregião de Saúde, que engloba a Região Metropolitana do Recife e alguns municípios das zonas da Mata Norte e Sul, teve crescimento de 5% nos casos de SRAG em uma semana e de 6,8% em 15 dias. Foram registradas 41 solicitações a mais de leitos de UTI na região. 

Já na segunda macrorregião que compreende o Agreste, os casos de SRAG tiveram aumento de 7,2% em uma semana e queda de 8% em 15 dias. As solicitações de leitos de UTI na região, porém, saltaram de 51 pedidos na SE 5 para 86 na SE 6. 

A terceira macrorregião de Saúde, que abriga os municípios de Arcoverde, Serra Talhada e Afogados da Ingazeira, chama atenção com um aumento na ordem de 7% nos casos de SRAG em sete dias e de 53,8% em duas semanas. Nas solicitações de leitos de terapia intensiva, foram 13 pedidos a mais na região. 

A quarta macrorregião, por sua vez, apresentou redução nas ocorrências de SRAG, sendo de 16% em uma semana e de 12% em 15 dias. Também houve diminuição nas solicitações de leitos de UTI (sete solicitações a menos). 

“Estes indicadores comprovam que temos a presença do vírus de forma preocupante em todas as regiões de Pernambuco. Por isso, precisamos dos esforços de toda a sociedade e dos gestores municipais, sejam da Região Metropolitana do Recife ou do Interior do Estado, no enfrentamento da pandemia”, enfatizou o secretário estadual de Saúde.]




Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO PORTAL Ligue 87 9. 8812-6217