Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
QUER ANUNCIAR NO BLOG: E-mail: agresteemalerta@gmail.com Fone: (87) 9 8857-0534 WhatsApp

Clique na imagem para outras informações

A M SEMENTEIRA - Mudas de hortaliças e legumes

A M SEMENTEIRA -  Mudas de hortaliças e legumes

Cia da Construção e Madeireira.

Cia da Construção e Madeireira.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.
Rua Joaquim Nabuco 33 Centro Garanhuns PE.

Maluquinha preço único

Maluquinha preço único
Avenida Santo Antônio, Centro Garanhuns-PE

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

Rua Melo Peixoto - Centro - Garanhuns - PE - Fone: (87) 9. 9677-5705

terça-feira, 4 de maio de 2021

UMA DIA 28 DE ABRIL E OUTRA DIA 02 DE MAIO: Em pior momento da pandemia, mãe e filha morrem por complicações da Covid-19 em Garanhuns em um intervalo de três dias, diz família

 


Não se tem notícia na história recente do planeta de uma doença que destrua tantos núcleos familiares de forma tão rápida como a Covid-19. A morte é o destino de todos e chegará um dia, mas, se perder um ente querido já é difícil, perder dois ou mais parentes para esse vírus, de uma só vez, é uma dor descomunal. Dor essa que tem sido cada vez mais sentida entre as famílias e vem sendo sentida no momento por Dayane. Em conversa na noite de ontem com o portal, ela revelou que perdeu a mãe e a avó para a covid -19, uma semana passada e a outra ontem.

"No ultimo dia 21 de abril minha mãe, de 48 anos, tava com muita falta de ar e febre. Ela foi para o Dom Moura no mesmo dia e lá passaram o exame, medicamentos e a liberaram. No dia 23 ela voltou novamente ao Dom Moura , de novo com falta de ar e febre. Quando o estado dela piorou, a intubaram no Perpétuo Socorro, mas ela faleceu no dia 28 de abril. No dia em que minha mãe morreu, minha avó, de 86 anos, começou a apresentar os mesmos sintomas. Como minha mãe, ela foi ao médico e a mandaram pra casa. No dia 29 ela se sentiu mal e chegou a ser internada, mas faleceu ontem, mãe e filha vítimas da covid", disse Dayane ao portal V&C Garanhuns.

Dona Nair Maciel da Silva, a mãe, tinha 86 anos. Já a filha, Ocilene Maciel da Silva, tinha 48 anos e deixou quatro filhos. Ambas residiam na Cohab 2, em Garanhuns, em residências diferentes. O Portal apurou que o exame para Covid de Dona Nair deu resultado positivo. Já o de Ocilene ainda não foi divulgado, mas a família tem certeza que a mãe morreu da doença. 

"Primeiro minha mãe sentiu os sintomas, foi internada, intubada e faleceu. Como minha avó teve contato com ela, pegou o vírus e também veio a óbito. Embora ainda não tenha saído o resultado do exame da minha mãe, tenho certeza que as duas morreram de covid, desabafou" Dayane.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

QUER ANUNCIAR NO PORTAL Ligue 87 9. 8812-6217